2019-12-27T14:13:32+00:0027/12/2019|Tags: , , , |

 Por Alejandro pulido, standardization expert da Valid

Há alguns meses, diversas companhias telefônicas começaram a lançar pilotos de conectividade 5G para seus clientes. Entre as promessas dessa nova geração da rede móvel estão uma proteção maior da privacidade do usuário, uma latência menor para permitir aplicações VoIP e velocidades nunca vistas para a reprodução de conteúdo em streaming.

Os usuários aproveitarão essas vantagens no curto prazo, e elas serão atualizadas com novos serviços, mais qualidade do serviço e melhoras significativas na conectividade a partir de junho, aproveitando as olimpíadas de Tóquio de 2020, quando espera-se que o 5G esteja 100% em operação e ofereça os serviços de roaming em nível global.

Mas também soma-se a isso o que o usuário médio não verá: essa nova geração, focada em dar respostas à demanda de conectividade da IoT, assim como suporte às soluções de Big Data, vai proporcionar um marco revolucionário para o descongestionamento das redes atuais permitindo todas as conexões necessárias para as Smart Cities e os grandes volumes de dados gerados pelas aplicações que oferecerão serviços de valor agregado para o usuário e para as empresas de Big Data.

A essa revolução da rede se une a lenta porém inexorável implantação do eSIM, tanto para M2M quanto para Consumer. Atualmente já contamos com vários dispositivos 5G compatíveis com eSIM e espera-se que o crescimento seja exponencial a partir de janeiro.

Do lado do eSIM, foram feitas atualizações importantes tanto do Sistema Operacional quanto dos dados específicos dos operadores.

Nesse contexto, a SIMAlliance (Organização dos Fabricantes de SIM) atualizou seu perfil de operadora para eSIM para dar suporte à nova rede 5G e melhorar a interoperabilidade dos diferentes elementos do mundo do eSIM.

Na VALID, estamos envolvidos nesse salto geracional para o 5G, preparados para o futuro e contribuindo para que nossos clientes também estejam.

Nossas equipes de relacionamento com o cliente propõem guias e implementações para que todo mundo chegue ao 5G da maneira mais simples.

Com a introdução do 5G no eSIM, podemos chegar mais longe de forma mais rápida.